top of page
Buscar

A Federação Pela Vida com o Papa Francisco - JMJLisboa23


Intervenção de António Pinheiro Torres no encontro com o Papa Francisco, pela Ajuda de Berço, no Centro Social da Serafina, Lisboa, 4 de Agosto de 2023

"Santo Padre

Somos a associação Ajuda de Berço, fundada há 25 anos. Uma casa de acolhimento para crianças abandonadas ou em risco.

Somos um dos muitos centros de apoio à Vida surgidos no contexto dos movimentos de defesa da Vida e das campanhas dos referendos do aborto de 1998 e 2007.

Moveu-nos aquela frase de Madre Teresa de Calcutá que dizia “não pararemos enquanto houver uma mulher nas nossas cidades que possa dizer eu abortei porque não encontrei quem me ajudasse”.

Até hoje, já acolhemos 452 crianças que depois de viverem connosco encontraram um projecto de vida seguro e definitivo. Para uns foi o regresso à família, para outros, a adopção ou outras soluções de acolhimento e protecção. Duas delas acompanham-nos do Céu.

Na nossa casa em Lisboa, vivem em permanência 40 crianças (entre os poucos dias de vida e os 13 anos de idade). Vivem connosco 24 horas por dia e 365 dias por ano, servidas e protegidas pelas pessoas que trabalham na nossa casa.

Santo Padre: hoje, acima de tudo, o que lhe queríamos testemunhar é a nossa gratidão.

Primeiro que tudo pelo seu Pontificado. Não temos outra pretensão para a nossa vida que não seja a de tentar corresponder ao amor que Deus nos tem. E do encontro que fizemos com Cristo resulta também o amor e a gratidão por Pedro. Por isso, obrigado Santo Padre pela sua vida dada a Jesus!

Depois, a nossa gratidão à Igreja de Lisboa. Ao nosso Bispo, o senhor D. Manuel Clemente, cuja paternidade e amizade nos amparam e comovem. E aos Padres que nos ajudaram e acompanharam com a sua amizade e zelo pastoral.

Uma gratidão que se estende à imensa amizade social que, ao longo dos anos, se gerou em torno da Ajuda de Berço.

Somos apoiados por crentes de diversas confissões e homens e mulheres de boa vontade que não professam nenhuma religião. De diversas convicções e proveniências. Apoiam-nos todo o tipo de pessoas e instituições. Todos irmãos no cuidado destes pequeninos que nos foram confiados.

Finalmente a maior das gratidões: ao próprio Jesus e a Sua Mãe Maria Santíssima cuja ternura e protecção experimentamos quotidianamente. Quantas vezes não temos recorrido a Nossa Senhora Desatadora dos Nós!

Reze por nós Santo Padre: por todos os que, em Portugal, estão empenhados na defesa da Vida desde a concepção até à morte natural, por estas crianças que nos foram confiadas, para que encontrem uma família que as receba; por nós que levamos esta obra por diante e que temos esta responsabilidade; por todos os que trabalham na Ajuda de Berço, para que sirvam estas crianças de coração sincero e disponível; pelos nossos voluntários e benfeitores. Obrigado, Santo Padre!"

13 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page